Sinhores de Uberaba promoveu Seminário de Gastronomia, Hotelaria e Turismo

O Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Uberaba e Região (Sinhores) e a Federação dos Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares de Minas Gerais (Fhoremg) promoveram nos dias 25 e 26 de abril, no Hotel Golden Park, em Uberaba (MG), o “Seminário de Gastronomia, Hotelaria e Turismo”. Na ocasião, empresários, sindicatos e associações do segmento de Hotéis, Bares e Restaurantes de todo o estado de Minas Gerais estiveram reunidos para assistirem diversas palestras com os mais variados temas de interesse da categoria.

Entre os participantes estavam o presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Uberaba e Região (Sinhores), Álvaro Renan Silva; o diretor do Sinhores, Mauro Moraes; o presidente da Federação dos Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares de Minas Gerais (Fhoremg), Paulo Cesar Marcondes Pedrosa; o presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Vale do Aço (Sindhorb-Vale do Aço), Benedito Pacífico da Rocha; o Assessor Jurídico do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Vale do Aço (Sindhorb-Vale do Aço), Adalto de Assis Pereira; o presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-MG), José Maurício Gomes de Miranda; o Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Uberaba, José Renato Gomes e o presidente do Sindicato dos Contabilistas de Uberaba, Marco Antônio Oliveira.



O presidente da Fhoremg, Paulo Cesar Marcondes Pedrosa, iniciou o seu pronunciamento, fazendo questão de agradecer a presença de cada um dos participantes e teceu elogios ao Sinhores de Uberaba, na pessoa do seu presidente Álvaro Renan Silva e do diretor Mauro Moraes, pela forma como receberam os convidados na cidade. Além disso, Paulo Cesar Pedrosa ressaltou a importância desse Seminário para o setor de Hotelaria, Gastronomia e Turismo, e pediu mais união à categoria que, em sua opinião, está um pouco dispersa. Ainda segundo ele, estão sendo realizados dois seminários desse porte anualmente. O próximo está programado para o segundo semestre na cidade de Montes Claros. Em 2018, estão previstos em Uberlândia e Patos de Minas.


Já o presidente do Sinhores, Álvaro Renan Silva, além dos agradecimentos, ressaltou o fato do evento ter sido realizado pela primeira vez em Uberaba e pediu mais união para movimentar o setor e ter voz ativa nas reivindicações.
  
Na oportunidade, foram realizadas palestras, com temas interessantes, tais como: “Participação do Setor Privado nas Políticas Governamentais de Fomento ao Turismo como Vetor de Desenvolvimento”, com a Secretária-Adjunta da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Uberaba, Anne Roy Nóbrega; “Tendências da Hotelaria Brasileira”, com o Diretor do Hotel Mercure Lourdes – BH, Rodrigo Mangerotti; “Legislação Sanitária, Legislação Hoteleira e Gestão de Segurança de Alimentos com foco em Hotelaria e Gastronomia”, com a Consultora em Gestão de Segurança de Alimentos, Maria José Vieira; “Lei da Gorjeta e Terceirização”, com o Vice-Presidente da OAB-Uberaba, Ricardo Perdigão; “Direitos Autorais”, com o advogado Sílvio Cupertino Marinho Reis e um bate-papo com o presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-MG), José Maurício Gomes de Miranda.
O diretor do Hotel Mercure Lourdes, Rodrigo Mangerotti, deu início ao ciclo de palestras, falando sobre as tendências da hotelaria e da gastronomia. Segundo Rodrigo, a área de alimentos e bebidas representa de 30 a 40% do faturamento do setor. Também falou sobre o “Gerenciamento de Receitas”, que é, basicamente, vender para o cliente certo, pelo preço certo e no momento certo.



A Secretária-Adjunta da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Uberaba, Anne Roy Nóbrega, destacou em sua palestra que o turismo em Uberaba está precisando de administração. “Temos um patrimônio turístico muito interessante, mas pouco explorado. A ideia nos próximos quatro anos é integrar o trabalho do poder público com a iniciativa privada para enriquecer a cadeia produtiva com mais conhecimento e mais fluxo”. Para mostrar o que está sendo feito na administração municipal, foi apresentado um vídeo institucional sobre o potencial industrial, turístico e a qualidade de vida para a população.

A Consultora em Gestão de Segurança de Alimentos, Maria José Vieira, fez uma abordagem sobre os diferenciais e as vantagens competitivas da Segurança dos Alimentos, Normas Sanitárias de Hotelaria e as Legislações específicas (Federal, Estadual e Municipal). Além disso, falou sobre as boas práticas e a importância das empresas terem cuidado com a qualidade dos seus produtos e a manipulação dos alimentos, para que não possam trazer sérios problemas para si e para os seus clientes.


Um tema sempre muito discutido é a questão das Gorjetas e da Terceirização. Em sua palestra, o Vice-Presidente da OAB-Uberaba, Ricardo Perdigão, falou que a lei da “Terceirização é nova, mas é muito interessante para a classe empresarial e não traz o prejuízo que os empregados estão alegando. Não haverá precarização dos direitos”. Em relação à Gorjeta, foram apresentadas as peculiaridades da nova lei, publicada no dia 14 de março e que entrará em vigor no período de 60 dias.
E, por fim, o advogado Sílvio Cupertino Marinho Reis apresentou um tema de grande interesse dos empresários, que é o Direito Autoral, haja vista que alguns têm enfrentado processos judiciais em relação à cobrança de Direitos Autorais de execução pública musical por parte do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (ECAD). Foram feitos vários questionamentos e esclarecidas as dúvidas.
No dia 25/04, na abertura do evento, foi realizado um Jantar de Confraternização e, no dia 26/04, após as palestras, houve um Coquetel de encerramento.


Reportagem

Eduardo Vargas – Assessor de Imprensa do Sindhorb-BH