Vereadores fazem qualquer coisa para se segurar.


Adeli Sell
O mar está revolto. O navio está à deriva. A tripulação só pensa em se salvar. E os outros? Que salva-vidas para o povo que nada... Assim, pensam alguns colegas na Câmara, assim  pensam muitos políticos na Assembleia e no Congresso Nacional.
A cada dia inventem uma "nova lei", porque só  pensam em se salvar da sua própria  inoperância.Penso diferente. Temos leis demais. Muitas só prejudicam segmentos, setores, a economia, mas nada resolvem para o povo, para o morador da cidade, para o consumidor.
O setor de alimentação, hospedagem, entretenimento tem sido um alvo predileto de certos parlamentares.
Cigarros paraguaios são vendidos a rodo no Centro, mas isto eles não veem. Ou melhor, tem medo de enfrentar. Mas querem esconder os cigarros no "ponto de venda" nos estabelecimentos legalizados.
Bebidas vendidas a menores em botecos no entorno dos estádios e na rua não são vistos nem lembrados. Mas querem esconder as bebidas nas lojas de conveniência, nos bares, nos restaurantes, ora como se isso fosse resolver algum problema de consumo para menores ou fosse resolver o problema de quem tem problemas de alcoolismo.
As coisas não se resolvem assim.
Disse isso e muito mais na reunião que houve nesta semana na Comissão do Consumidor e da Saúde da Câmara Municipal de Porto Alegre.
E vão continuar com essa demagogia. Além de eu ter mostrado a eles a própria inconstitucionalidade de uma lei assim. Este tema é de competência federal como vocês bem sabem.
Mas estes "preocupados" com a saúde e com a vida das pessoas não falam dos agrotóxicos nos tomates, nos pepinos e nos pimentões.
Aí pode tudo.
Sabem que este projeto o prefeito teria que vetar, daí espalham que eles votaram a favor, mas....
Pura demagogia.
Adeli Sell é vereador de Porto Alegre e escritor.